Os interesses pessoais comandam o mundo




Por: Rita Ramos Cordeiro

O mundo é comandado pelo interesse pessoal dos poderosos, milionários, políticos e dos simples seres humanos.

 

São os poderosos que definem e decidem a grande e difícil engrenagem que gira a nossa volta e que não está ao nosso alcance mudar.

Porém, se achamos que isso só acontece com os poderosos estamos completamente enganados.

Apesar de sermos constantemente manipulados, somos porque o permitimos, mas também no nosso mundinho temos nossos próprios interesses pessoais e vivemos por eles, e acreditem, muitas vezes usamos a manipulação como ferramenta em nosso dia a dia, inclusive, prejudicando pessoas.

Talvez não sejamos todos, que são minoria, e muitos até não o percebam, mas isso acontece.

Eis o grande desafio do ser humano!

Deixar de pensar apenas em seus próprios interesses pessoais para olhar o sofrimento de seu semelhante, e acolhê-los.

De quando em quando acontecem momentos de fortes comoções sociais que nos impactam, mais logo esquecemos.

O que faz com que este ou aquele problema ou tragédia social tenha mais visibilidade?

Geralmente as tragédias da natureza são bombásticas e nos fazem acordar para a vida, porém, outras situações tristes não causam a mesma comoção.

Qual a causa disso?

Tudo depende de certos grupos em fazer com que este ou aquele caso tenha a visibilidade e destaque que desejam para que tenha o impacto necessário no resto

da sociedade, de acordo com seu interesse pessoal e utilidade que eles queiram dar naquele momento.

É importante destacar as pessoas e grupos que trabalham em prol do ser humano e lutam pelo direito da minoria, porém, não tem a visibilidade que necessitam para impactar a sociedade.

Estes trabalham como formiguinhas e tentam fazer sua parte, mesmo que anonimamente, mas tem grande valor.

Melhor seria se todos nós compreendêssemos que temos todo o direito de ter interesses pessoais, mais que isso não pode e não deve comandar o mundo.

Cadastre-se em nosso informativo

CAPTCHA