Enxuga as lágrimas, aguarda e confia

Por: Rita Ramos Cordeiro 

Quando o desejo de compreender, de ser amado, de ser valorizado, de se fazer presente na vida daqueles que amamos não se faz possível, muitas vezes a mágoa e o ressentimento toma conta do coração invigilante, que acaba tomando atitudes ou dizendo palavras dolorosas que se arrependerá mais tarde.

Mesmo quando o arrependimento toma conta e o desejo de corrigir seus erros não se faz possível, segue adiante.

Enxuga as lágrimas, sorria, levanta a cabeça e caminha, aguardando o tempo.

Confia na Providência Divina que jamais te desampara.

Confia no tempo que vai trazer discernimento e sabedoria aos corações aflitos e não olhe para trás.

Não pare um segundo se lamentando ou se culpando pelo que fez ou deixou de fazer. Admite seu erro, se perdoa e segue seu caminho...

Trabalha em prol daqueles que esperam por uma palavra sua, de conforto, de amizade, de carinho.

Lembra sempre que nos momentos difíceis deixamos cair o véu da insensatez, mas é na resignação, na fé, confiança no Pai, que a maturidade, a sabedoria e a paz toma conta do coração.

 

 

Cadastre-se em nosso informativo

CAPTCHA