Dia do Idoso




Por: Rita Ramos Cordeiro

No dia 01 de outubro comemora-se o dia do idoso, mas nos dias atuais pouco se utiliza deste nome, que foi substituído pelo termo meia idade, terceira idade, entre outros.

Mas afinal o que realmente mudou?

Dizem os especialistas que a meia idade se inicia aos 35 anos, e termina aos 58 anos dando passagem em seguida para a terceira idade.

Apesar da nomenclatura de nomes e idades tudo é muito relativo, e depende da vivência e qualidade de vida de cada um.

Continue Lendo

Por que Deus afasta as pessoas de nosso convívio?




Por: Rita Ramos Cordeiro

É sempre mais fácil delegar a Deus a responsabilidade dos afastamentos afetivos quando temos o livre arbítrio para escolher ficar ou partir, salvo as exceções de partidas definitivas como a morte.

Em qualquer outro caso a escolha é sempre do ser humano, senão nossa, mas do outro.

Por mais que se diga que não houve opção, sempre há uma opção.

Continue Lendo

O que fazer quando o machismo e a violência mata?




Por: Rita Ramos Cordeiro

Um vídeo da Tânia circula pela internet onde ela sem ter a quem recorrer no meio da rua em alto, e bom som implora ajuda pela agressividade cometida insistentemente pelo ex marido.

Sentindo-se desamparada e amedrontada Tânia mostra a medida protetiva que o ex marido não respeita,  e continua perseguindo Tania com sua agressividade e violência.

Continue Lendo

O papel do jornalismo do mundo atual




Por: Rita Ramos Cordeiro

Ser jornalista nos dias atuais não é muito bem visto e aceito por muitas pessoas já que alguns jornalistas não sabem a diferença entre ética e respeito, mas isso não é questão de profissão, e sim da índole de quem ostenta o cargo.

Existe a mídia competente e verdadeira da mesma forma que existe a mídia mentirosa que divulga fake news, e a mídia sensacionalista que são aquelas que apelam para as notícias trágicas e violentas para atrair o público que apreciam este tipo de notícia.

Continue Lendo

Envelhecer com saúde




Por: Rita Ramos Cordeiro / Imagem Pixabay

Até pouco tempo o envelhecimento era visto como doença e chegar aos setenta anos não era para todos.

Esta mentalidade não faz mais parte dos dias atuais porque é comprovado que existe a possibilidade de uma vida saudável também na velhice. No entanto, com do aumento da expectativa de vida existe riscos de doenças, e por isso a grande importância de uma vida saudável.

Continue Lendo

Cadastre-se em nosso informativo

CAPTCHA