O que estamos fazendo de nossas vidas

É comum nos noticiários da televisão, jornal e internet, notícias de violência, morte, guerras, crianças morando nas ruas e uma infinidade de injustiças.

É natural o ser humano se chocar e se sensibilizar ou se revoltar com estes acontecimentos ruins, mas diante de tais situações, costuma-se pensar que estas coisas estão bem distantes e só acontecem com os outros.

As pessoas não estão acostumadas a refletir de quem é a responsabilidade por tanta violência, e na maioria das vezes responsabilizam os órgãos públicos.

Continue Lendo

Presente de Deus

Difícil é falar sobre a morte e muitos a temem como se fosse o fim de tudo.

É certo que ela não é o fim, mas poucos compreendem seu verdadeiro significado.

E por não compreenderem a morte, deixam de entender que a vida é o maior presente de Deus concedido a nós.

Muitos passam pela vida sem senti-la verdadeiramente e no momento da morte sofrem pela partida que consideram injusta.
Cada momento que respiramos, é uma benção e um presente de Deus ofertado a nós.

Continue Lendo

Quando as máscaras caem

Recentemente pudemos acompanhar pelas redes sociais antes e após os resultados das eleições, uma comoção generalizada que tomou conta do povo brasileiro.

Não foram poucas as ofensas verbais dos internautas, que enraivecidos e inconformados, descontavam seu descontentamento nos mais diversos grupos de pessoas e regiões que não comungavam com suas opiniões.

Deixando a política de lado, começamos a refletir sobre o que foi todo aquele mar de ofensas, desrespeito com o próximo e intolerância com a opinião e livre arbítrio alheio.

Continue Lendo

Quem sou eu

Quem sou eu? O que estou fazendo aqui? Qual minha missão nesta terra?

Quantas e quantas vezes estas perguntas passou por sua mente?

Já reparou que estas perguntas insistem em se fazer presentes nos momentos em que na maioria das vezes está angustiado...

Quando algo não vai bem ou quando deixamos a tristeza tomar conta de nosso coração...

Já parou para pensar que estas são reflexões que deveria procurar responder, não apenas nos momentos difíceis, mas também nos momentos de alegria?
Sim, reencarnamos com um propósito.

Continue Lendo

Desrespeito e descaso aos idosos

Por: Rita Ramos Cordeiro

Ontem, assistindo a uma reportagem na televisão sobre o desrespeito e descaso aos idosos fiquei impressionada com o comportamento pouco caridoso dos seres humanos.

Não são somente pelos hospitais públicos, e outros órgãos, que é lamentável o tratamento dado aos nossos velhinhos.

O próprio ser humano ainda não consegue vivenciar o verdadeiro amor ao próximo.

São casos e casos de descaso e desrespeito à terceira idade.

Esquecemos que um dia lá chegaremos também e necessitaremos do apoio, compreensão, e atenção dos mais jovens nesta fase tão delicada da vida.

Sentiremos na pele como é difícil não ter a atenção e cuidado necessário numa fase em que o corpo físico já não responde tão sadiamente ao comando de nosso cérebro.

O grande consolo em toda esta situação é saber que este quadro pode ser revertido a qualquer momento se assim o desejarmos.

É de extrema urgência que passemos a respeitar ao próximo, principalmente aos idosos como gostaríamos de ser respeitados e amados.

Não espere que a "Lei da Ação e Reação", ou o "Colheremos o que plantamos" nos ensine o verdadeiro sentido da vida que é o amor ao próximo.

Oferecer auxílio a um idoso ou doente num momento de dor e sofrimento, levantar-se de uma confortável poltrona de um ônibus, metrô ou em qualquer outro ambiente para dar lugar a um idoso, além de ser uma questão de obrigação, e respeito ao cuidado com os nossos idosos é também uma questão de amor, Solidariedade e Fraternidade.

É vivenciar o amor que Jesus nos ensinou.

É mostrar a nós mesmos que apesar de tantas dificuldades nesta Terra de Provas e Expiações ainda respeitamos o próximo como irmãos que necessitam de amor, como a nós mesmos.

É deixarmos de lado o egoísmo, e passarmos a entender que o mundo não gira em torno de nós.

É compreender que a felicidade está dentro de nós, e para obtê-la precisamos aprender a amar verdadeiramente e incondicionalmente.

Enfim...é acreditar que o mundo pode se tornar um lugar repleto de Paz e Amor se o exemplo começar em nós.

 

Cadastre-se em nosso informativo

CAPTCHA