Alma gêmea ou algema?

Muitos corações românticos e apaixonados definem a Alma Gêmea como a sendo a metade de outra pessoa, a cara metade, ou mais popularmente, “a tampa da panela” que nos falta.

O Espiritismo esclarece que não existem dois espíritos criados um exclusivamente para o outro, mas que podem ter em comum os mesmos interesses e afinidades. O espírito imortal poderá encontrar em sua trajetória evolutiva muitos espíritos afins.

A enorme bagagem espiritual que temos ao longo dos séculos nos ensina que nossa família espiritual é enorme e que aumenta ao longo de nossas existências como encarnados e desencarnados.

A pergunta 386 do livro dos Espíritos nos esclarece sobre o tema:
386: Dois seres que se conheceram e se amaram, podem encontrar-se noutra existência corpórea e se reconhecerem?

Continue Lendo

Desmitificando a doutrina espírita

Por: Rita Ramos Cordeiro

Já se foram os tempos em que a Doutrina Espírita era vista como algo místico, preconceituoso e proibido.

Por quantas e quantas vezes se torciam os narizes ao reconhecer tal pessoa na rua como espírita proibindo mesmo até a convivência social?

Tempos difíceis que afastavam do convívio comunitário os assumidos espíritas. Ler um livro espírita então, nem pensar! Muitos simpatizantes liam os livros escondidos da família, dos amigos para não passar vergonha, e não ter de ouvir discursos para converter a tal pessoa 'desviada' do caminho do bem.

Continue Lendo

Alguém perguntou o que é melhor para mim?

Por: Rita Ramos Cordeiro 

João olhava repetidamente para o relógio, aguardando ansioso o horário de visitas.

Há tempos aguardava aquele momento, quando conheceria sua futura família.

Há mais de dez anos naquele abrigo, sentia muita falta de ter um lar, de alguém que o amasse como um filho e pela primeira vez sairia para um encontro.

Com o tempo aprendeu que sua idade e cor de pele tornavam suas chances de ser adotado cada vez menores.

Continue Lendo

Quem tem medo de espíritos?

Por: Rita Ramos Cordeiro

Quem já não esteve durante a infância numa roda entre amigos falando deste tão temível assunto?

Era realmente um momento assustador quando vinha a tona várias histórias de arrepiar.

Eram fantasmas em casas assombradas onde havia barulho de correntes, e ninguém via ninguém.

Continue Lendo

Cadastre-se em nosso informativo

CAPTCHA