• Home
  • Artigos
  • O fanatismo e o desrespeito embrutece a alma
Sábado, 05 Outubro 2019 20:13

O fanatismo e o desrespeito embrutece a alma




Por: Rita Ramos Cordeiro

Dias difíceis vivemos em que as pessoas não podem mais ter suas opiniões próprias e nem ser o que são.

Insultos e agressões despontam por todos os lados por aqueles que não aceitam e não respeitam as diferenças.


O certo e o errado é muito relativo já que cada um tem sua vivência íntima e pessoal. Porém, não há relatividade quando isso traz prejuízos e dores ao ser humano, quando nossas ações prejudicam o próximo. Tudo posso, mas nem tudo me convém, disse Paulo de Tarso.

Desde que as atitudes, ações e comportamentos não prejudiquem o ser humano violentando seu direito de ir e vir ninguém tem o direito de intervir na vida alheia.

Diz a frase: "a minha liberdade termina quando começa a do outro". Mas que entenda-se por liberdade o direito de cada um ser o que é desde que isso não prejudique nossos irmãos do caminho.

Pelo livre pensar, pessoas são excluídas, maltratadas, ofendidas e agredidas, muitas vezes fisicamente, e quando isso acontece apenas nos mostra que o fanatismo e o preconceito embrutece.

Embrutece a alma e o coração, e quando deveríamos mudar dando nosso melhor entramos em sintonia com o mais obscuro recanto da alma humana.

Não existe meio termo para a paz. Os fins jamais justificam os meios. Não se muda caminhos com radicalismos. Não se muda caminhos com o mal.

Não se acredita mais na bondade humana! Não se acredita mais que a paz se conquista com amor, união e respeito.

Triste ser humano! Quando não aprendemos com o amor, aprendemos com a dor. Ainda temos tempo para evitar de aprender com a dor.

Que o Bom Pai nos permita serenidade, sabedoria e confiança para vencermos este momento difícil onde cada um acredita estar com a razão, apenas a sua razão!

Não podemos desanimar jamais porque não caí uma única folha sem a permissão Divina. Tudo se encontra sob desígnios Divino mesmo que não acreditemos nisso.

Que façamos a nossa parte enquanto é tempo! E nos momentos em que inseguros não sabemos o que nos cabe realizar basta voltarmos nosso coração ao Mestre Jesus, que é e sempre será nosso maior exemplo de paz, harmonia, perdão e fé!

Sigamos Seus exemplos mesmo diante da cegueira humana, pois como Ele disse:

"Tudo quanto, pois, quereis que os homens vos façam, assim fazei-o vós também a eles; porque esta é a lei e os profetas." – Mateus 7:12

Não há outro caminho!

Cadastre-se em nosso informativo

CAPTCHA