Quarta, 07 Março 2018 00:44

Centelha Divina


Por: Rita Ramos Cordeiro

O espírito é uma das mais belas criações Divina

É nele que se guardam todas as memórias adquiridas por séculos e séculos, que o espírito tem a oportunidade de reter, através das tantas encarnações vividas.

 

Com o esquecimento do passado temos a grata oportunidade de recomeços, reajustes, reconciliações, correção de erros, que não seriam possíveis se não houvesse o véu do esquecimento.

As memórias e lembranças ficam guardadas em nosso espírito e em nosso campo mental, mas muitas vezes durante nossa vida de encarnados, emerge sem que percebamos.

É quando descobrimos afinidades e nos ligamos a pessoas com sentimentos de amor que não compreendemos e nem sabemos de onde vem. É a família espiritual universal se ligando através do reconhecimento do passado.

Da mesma forma, sensações e lembranças de ódio, medo, raiva, aversão, decepções, mágoa, surgem inconscientes e podem atrapalhar a convivência daqueles que tentam evoluir com a oportunidade de uma nova vida.

A vigilância e a oração é imprescindível para que estes sentimentos que emergem de nossa memória espiritual, não venham a tona, repetindo erros do passado.

A compreensão e conhecimento espiritual é de profunda importância para entendermos situações que não compreendemos.

É de extrema importância que nestes momentos procuremos lembrar que o passado de outras vidas não existe mais, que são apenas lembranças e bagagens gravadas em nosso espírito e lá devem permanecer.

É na busca pelo aperfeiçoamento espiritual, pela conquista diária da paz, serenidade e o desejo de se tornar cada dia melhor, que as lembranças do passado ficarão cada dia mais distantes.

É no respeito, gentileza, atenção, cuidado e desejo de mudança, que faremos novas e melhores memórias que serão guardadas em nosso espírito, para que numa futura encarnação, não tenhamos mais lembranças ruins para emergir de nosso espírito.

Que façamos desta encarnação um momento único e crucial de aprendizado, perdão e acolhida para que nossas memórias espirituais sejam daqui para frente, bagagens de aprendizado e amor, que nos proporcionará viagens a mundos de paz e regeneração